Pág. Inicial Festas e Peregrinações

Festas e Peregrinações

Festas e Peregrinações

Ao Ritmo da Fé
Na Penha, o apelo da natureza convive em harmonia com a religiosidade, mas também com o profano. O coração da montanha sempre bateu ao ritmo da fé dos peregrinos e da alegria dos romeiros. Uns e outros souberam, ao longo dos tempos, emprestar-lhe devoção, afecto e generosidade, traduzida em inúmeras oferendas e actos beneméritos. A expressão de fé teve o seu auge com a inauguração do Santuário Eucarístico, obra da Irmandade da Penha. É no templo projectado por Marques da Silva que se venera Nossa Senhora da Penha e onde afluem milhares de fiéis.
A principal manifestação de religiosidade ocorre no segundo domingo de Setembro, com a grande peregrinação à Penha. Os Arciprestados de Guimarães e Vizela concentram-se em oração aos pés da Senhora, rendendo-lhe homenagem e dando uma bênção simbólica à cidade.

Jornadas de Devoção
As manifestações de afecto e fervor religioso multiplicam-se ainda nas festividades em honra de Nossa Senhora da Penha, do Carmo, Santa Catarina e S. Cristóvão. Ao longo de praticamente todo o ano, as jornadas de devoção são uma constante, emprestando à Penha um singular colorido e animação popular.

- Nossa Senhora da Penha (Grande Peregrinação do Arciprestado)
2º Domingo de Setembro

- Nossa Senhora do Carmo da Penha (Padroeira da Irmandade)
dia 16 de Julho ou Domingo subsequente

- Santa Catarina (Padroeira dos Caçadores)
3º Domingo de Junho

- S. Cristóvão (Padroeiro dos Motoristas)
dia 25 de Julho ou Domingo subsequente

Imagens

  • imagem_1
  • imagem_2
  • imagem_3